Diário Cinema

Família Constantine e sua representante em Sandman

Neil Gaiman lançou um convite especial para os fãs prestigiarem a presença de atores como Tom Sturridge e Gwendoline Christie no tapete preto da pré-estreia no Reino Unido

Johena e John Constantine são apenas dois representantes de uma extensa árvore genealógica. Foto: Reprodução.
Johena e John Constantine são apenas dois representantes de uma extensa árvore genealógica. Foto: Reprodução.
Amanda Furtado
PorAmanda Furtado

Sandman é a série original da Netflix mais aguardada dos últimos tempos, principalmente por quem acompanha a criação de Neil Gaiman, desde a sua criação nos anos 80. Algo que tem intrigado alguns fãs é a participação de Johana Constantine (Jenna Coleman), que na obra foi encaixada para contemplar a influência de John Constantine durante os desdobramentos da saga incansável de Sonho (Tom Sturridge). Mas afinal, por que o exorcista foi substituído por uma versão feminina? 

Logo que iniciaram os infinitos rumores sobre o seriado, chegou ao conhecimento do público que o icônico personagem de John Constantine não participaria da nova adaptação. A notícia gerou dúvidas inquietantes a respeito de como se daria o desenvolvimento da história sem uma das peças consideradas fundamentais na obra original de Gaiman que, inclusive, falou sobre ter sido forçado a buscar uma solução de representar de outra forma o personagem que não foi liberado para ser introduzido nos episódios devido a problemas com direitos autorais. 

O criador e produtor executivo também deixou claro que Johana Constantine não está como uma versão feminina no enigmático John, e conta que a personagem é um outro membro da Família Constantine que, a propósito, possui uma árvore genealógica extensa. Os ajustes no live-action também se deram no tempo em que a série é ambientada, sendo totalmente atualizada nos tempos atuais, em 2022. 

A personagem de Jenna Coleman se trata, na verdade, de um membro da família Constantine de três gerações anteriores à de John nos quadrinhos da Vertigo, no entanto, a série modificou a história de Johana para a atualidade, a fim de suprir as necessidades da obra. 

Apesar de chegar apenas na sexta-feira (05), na Netflix Brasil, nesta noite, dia 3 de agosto, acontecerá a grande estreia virtual da série, apenas para os fãs sortudos que se inscreveram para o evento de forma limitadíssima. Na ocasião, os atores serão recepcionados no clássico cinema BFI Southbank, no Reino Unido, para prestigiar o pré-lançamento da obra, com direito a tapete preto.

ComentáriosO que você achou?
Últimas